Warning: Declaration of Walker_Page::start_lvl(&$output, $depth) should be compatible with Walker::start_lvl(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/post-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Page::end_lvl(&$output, $depth) should be compatible with Walker::end_lvl(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/post-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Page::start_el(&$output, $page, $depth, $args, $current_page) should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/post-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Page::end_el(&$output, $page, $depth) should be compatible with Walker::end_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/post-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_PageDropdown::start_el(&$output, $page, $depth, $args) should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/post-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Category::start_lvl(&$output, $depth, $args) should be compatible with Walker::start_lvl(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/category-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Category::end_lvl(&$output, $depth, $args) should be compatible with Walker::end_lvl(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/category-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Category::start_el(&$output, $category, $depth, $args) should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/category-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Category::end_el(&$output, $page, $depth, $args) should be compatible with Walker::end_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/category-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_CategoryDropdown::start_el(&$output, $category, $depth, $args) should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/category-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Comment::start_lvl(&$output, $depth, $args) should be compatible with Walker::start_lvl(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/comment-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Comment::end_lvl(&$output, $depth, $args) should be compatible with Walker::end_lvl(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/comment-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Comment::start_el(&$output, $comment, $depth, $args) should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/comment-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Comment::end_el(&$output, $comment, $depth, $args) should be compatible with Walker::end_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/comment-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Nav_Menu::start_lvl(&$output, $depth) should be compatible with Walker::start_lvl(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/nav-menu-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Nav_Menu::end_lvl(&$output, $depth) should be compatible with Walker::end_lvl(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/nav-menu-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Nav_Menu::start_el(&$output, $item, $depth, $args) should be compatible with Walker::start_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/nav-menu-template.php on line 0

Warning: Declaration of Walker_Nav_Menu::end_el(&$output, $item, $depth) should be compatible with Walker::end_el(&$output) in /home/blogpop/www/wp-includes/nav-menu-template.php on line 0

Warning: Creating default object from empty value in /home/blogpop/www/wp-content/plugins/smart-seo/smart_framework/functions/core.php on line 8

Warning: Cannot modify header information - headers already sent by (output started at /home/blogpop/www/wp-includes/nav-menu-template.php:0) in /home/blogpop/www/wp-content/plugins/wp-greet-box/includes/wp-greet-box.class.php on line 493
Problemas com o sono? | BlogPop, Feito por Anônimos

Problemas com o sono?

@RachelKrishna 19/05/2010 0

Siga o Rio de Janeiro no Instagram: :)

Lemmen+Georges+ +sleep+1900 Problemas com o sono?

A falta de sono pode ser um fator que contribui para o surgimento de várias doenças. A ausência de um sono reparador pode ser tão importante para o surgimento do diabetes quanto a má alimentação e o sedentarismo. Conheça algumas crenças sobre o sono e saiba o que é mito e o que é verdade.

Ver TV ajuda a pegar no sono (mito)

A TV pode até atrasar o sono (excitação dos programas, os estímulos visuais e sonoros contribuem para isso). Quando se dorme com o aparelho ligado a qualidade do sono se torna ruim devido aos microdespertares que a mudança do som e da luminosidade que ocorrem frequentemente. Se você não consegue largar o hábito pelo menos acostume-se a programá-la para que ela se desligue sozinha (as TVs mais novas geralmente possuem esse tipo de recurso). Calcule mais ou menos quanto tempo você vai demorar para pegar no sono e coloque esse tempo aproximado na configuração dessa função.

Beber um taça de bebida alcoólica (uísque ou vinho) antes de dormir ajuda a garantir uma boa noite de sono. (mito)

O álcool pode até ser um bom indutor do sono, mas ele suprime a importante fase de REM (rapid eye moviment, a fase em que normalmente sonhamos) e ainda pode piorar uma eventual apnéia. O sono é incompleto e de má qualidade.

Programar o despertador para tocar várias vezes pela manhã, para que se despertando aos poucos, ajuda a prolongar o repouso. (mito)

Fazer exercícios à noite cansa o corpo e descansa a mente. O que faz dormir melhor. (mito)
O exercício físico precisa ser praticado até três horas antes de dormir para não tumultuar o sono. Menos do que isso pode deixar o organismo excitado.
A principal causa da insônia são as preocupações. (mito)
Embora as preocupações e stress possam causar insônia, esta incapacidade persistente em cair no sono à noite pode ser causada por uma série de outros fatores. Certos remédios ou doenças do sono podem mantê-lo acordado à noite.
Algumas outras causas comuns de insônia são a depressão, problemas de ansiedade, asma, artrite e outras condições clínicas com sintomas que se tornam problemáticas à noite. Algumas pessoas, que têm insônia crônica, também parecem ser mais agitadas do que o normal, assim seria mais difícil para elas dormirem.
sonhobb Problemas com o sono?
As crianças que não dormem o bastante de noite irão mostrar sinais de sonolência de dia. (mito)
Diferente dos adultos, as crianças que não dormem o suficiente de noite, normalmente acabam ficando mais ativas do que o normal durante o dia.
Por outro lado, elas acabam também tendo dificuldade em prestar atenção e não se comportando adequadamente. Conseqüentemente, ela podem ser diagnosticadas erradamente como tendo déficit de atenção e hiperatividade (TDAH).
Você pode compensar o sono que não teve durante a semana, dormindo mais no fim de semana. (mito)
Embora esta tentativa possa ajudar a aliviar uma parte desta “dívida”, ela não vai compensar completamente a falta de sono. E esta tentativa também não vai ajudar na mau desempenho durante a semana, devido ao fato de não ter dormido o suficiente.
Além disso, dormir mais nos fins de semana podem afetar seu relógio biológico ao ponto que será muito mais difícil ir dormir na hora certa nas noites de Domingo e levantar cedo nas manhãs de Segunda.

Sonecas são uma perda de tempo. (mito)
Embora sonecas não substituam uma boa noite de sono, elas podem ser restauradoras e ajudam a conter o mau desempenho que possa resultar de uma noite mal dormida. As sonecas podem mesmo ajudar você a executar certas tarefas mais rapidamente.
Mas evite tirar sonecas depois das 3 da tarde, pois as sonecas podem interferir na sua capacidade de pegar no sono à noite. Além disso, limite suas sonecas para não mais que 1 hora de duração, porque sonecas longas irão fazer você ter dificuldade de acordar e voltar legal para suas atividades. Se você tirar freqüentes sonecas durante o dia, você pode ter um problema de sono que precisará ser tratado.
Seu corpo se ajusta rapidamente a diferentes horários de sono. (mito)
Seu “relógio” biológico deixa você mais alerta durante o dia e mais sonolento à noite. Assim, mesmo que você trabalhe no período noturno, você naturalmente irá se sentir sonolento quando chegar a noite. Muitas pessoas conseguem reprogramar seu relógio biológico, mas somente por faixa de tempo – e mesmo assim, por 1-2 horas por dia no máximo.
Conseqüentemente, pode se levar mais que uma semana para se ajustar a um novo ciclo de despertar e dormir, como, por exemplo, quando se depara em uma viagem com vários fusos horários ou quando muda de trabalho de dia para noite.
Dormir 1 hora a menos por noite do que o necessário não irá afetar o seu desempenho de dia.(mito)
Esta perda pode não deixá-lo com sono durante o dia. Mas um pouco menos de sono, pode afetar sua capacidade de pensar apropriadamente e ter respostas rápidas e ainda pode comprometer sua saúde cardiovascular e sua energia, assim como sua capacidade de combater infecções, principalmente se a perda ou falta de sono for contínua.
Se frequentemente você não tiver suas adequadas horas de sono, com o passar do tempo, sua “dívida” com o sono cresce e vai torná-lo excessivamente cansado durante do dia.
sono1 Problemas com o sono?
Comer antes de dormir faz mal. (verdade)
A digestão não deixa o organismo reduzir o metabolismo, condição necessário para a pessoa aprofundar no sono.
Uma boa noite de sono significa sonhar. (verdade)
Sonhamos sempre que estamos na fase REM. E passamos por ela entre quatro a seis vezes por noite.
Banho quente ajuda a ter sono.(depende)
A chegada do sono coincide com a queda da temperatura do corpo. O banho quente pode retardar esse processo. Contudo, o banho morno, considerado o ideal, relaxa.
Ler na cama é bom para ter sono.(depende)
Para alguns funciona como um indutor do sono. Para outros a leitura tem o efeito contrário. Pode despertar e o leitor que passará a noite em claro, lendo.
Beber um copo de leite antes de ir para cama ajuda a dormir melhor. (às vezes)
O leite possui o aminoácido triptofano que participa da produção do neurotransmissor serotonina, que causa a sensação de bem-estar. Só que nem sempre o triptofano é absorvido pelo organismo.
Lembrar-se do sonho é sinal que a pessoa teve uma boa noite de sono. (Não necessariamente)
Se a pessoa acordar fora da fase REM ela tem 7% de chance de se lembrar do sonho. Se ela acordar em uma fase REM ou até 20 minutos após ela ele passa a ter 80% de chance de se lembrar do sonho. Portanto, se um indivíduo tiver a sensação que sonhou a noite inteira, isso pode significar que essa pessoa acordou várias vezes durante as fases REM e provavelmente não teve um sono de qualidade.

Fonte: Revista Veja


Siga o Rio de Janeiro no Instagram:
Cadastre-se rapidamente para comentar, escolha sua Rede Social favorita.
(Se não estiver vendo mais os ícones das Redes Sociais, significa que já está cadastrado).
Li e concordo com os termos de serviço.

Comente! »





Alguns artigos são escritos pela equipe do Dr. Alberto Birman

Warning: Parameter 1 to W3_Plugin_TotalCache::ob_callback() expected to be a reference, value given in /home/blogpop/www/wp-includes/functions.php on line 3250